21 de set de 2015

Resenha: Fúria Vermelha - Pierce Brown


Fúria Vermelha é o primeiro volume da trilogia Fúria Vermelha, e revive o romance de ficção científica que critica com inteligência a sociedade atual. Em um futuro não tão distante, o homem já colonizou Marte e vive no planeta em uma sociedade definida por castas. Darrow é um dos jovens que vivem na base dessa pirâmide social, escavando túneis subterrâneos a mando do governo, sem ver a luz do sol. Até o dia que percebe que o mundo em que vive é uma mentira, e decide desvendar o que há por trás daquele sistema opressor. Tomado pela vingança e com a ajuda de rebeldes, Darrow vai para a superfície e se infiltra para descobrir a verdade. 'Fúria Vermelha' será adaptado para o cinema por Marc Forster, diretor de Guerra mundial Z.
Helloo, people... Preciso confessar que há algum tempo tinha me interessado pelo livro, no entanto acabei deixando de lado porque vi tantos outros e ia colocando na frente do montante. Ou seja, Fúria Vermelha ficou estacionado de escanteio. Mas no sábado fui na Saraiva, brincar de babar por livros novos e vi o livro lá esperando para que eu o abrisse. Um dos meus vícios é olhar a capa, ver como está a diagramação e por conseguinte ver a foto do autor. Eu tenho esse problema de ficar analisando a fonte do livro e se eu gosto dela. (coisa de gente anormal ahaha ) Fiquei mexendo no livro e quando fui para a orelha quase tive um ataque. Um ataque legal, é claro. Fiquei, tipo, what the heck!?
Clique em Mais Informações para ver a resenha completa!
       Pierce é muito bonito, gente. Foi OMG na mesma hora. Sinto muito, people, mas preciso dizer que foi isso que me fez decidir chegar em casa e ler o livro na mesma hora. E foi o que fiz. Queria saber o que aquela cara bonitinha podia escrever. E tenho certa aversão a histórias no espaço e coisas de Marte, sei lá, mas eu tinha gostado da sinopse e quis dar uma chance a leitura. Não ligo se a história do cara foi comparada a Guerra dos Tronos e Jogos Vorazes, na verdade nem gosto disso, de comparações. Creio que um livro pode fazer jus a si próprio. As comparações não me influenciam e nem me animam a ler alguma coisa. Mas Pierce simplesmente não decepcionou. 
LISTA DE CLASSES
Ouros: Membros mais nobres da sociedade. Os mais fortes e belos, orgulhosos e vaidosos. Controlam toda a sociedade.
Pratas: Contabilizam e manipulam a moeda e a logística.
Brancos: Controlam a justiça e a filosofia da sociedade. São os pensadores.
Cobres: Também chamados de Centavos, administram a burocracia e o Comitê de Qualidade.
Azuis: São os viajantes e exploradores do universo.
Amarelos: Estudam os medicamentos e as ciências.
Verdes: Desenvolvem a tecnologia.
Violetas: Os criativos. Considerados artistas da sociedade.
Laranjas: Os engenheiros mecânicos. São os mais prestigiados da classe dos trabalhadores.
Cinzas: Também chamados de Latões, garantem a ordem e a hierarquia nas sociedades.
Marrons: Serviçais das tarefas cotidianas.
Obsidianos: Também chamados de Corvos. Elite militar da sociedade, garantem a proteção dos Dourados.
Rosas: São empregados e proporcionadores de prazer da alta sociedade.
Vermelhos: As formigas operárias da sociedade. A capacidade física e mental dos integrantes dessa cor é imensurável.

“Existe uma flor que cresce em Marte. Ela é vermelha e áspera e adequada ao nosso solo.Chama-se Haemanthus. Significa “flor de sangue”.
     Fúria Vermelha é uma distopia complexa e interessante. Trata de uma sociedade autoritária e escravista que se preocupa com o poder e como sempre estar nele, as melhores formas de exercê-lo. Darrow é um mergulhador-do-inferno e só conhece essa vida, a dos vermelhos: pobre, miserável e às vezes catastrófica, cheia de proibições, escavação e só trabalho. Darrow tem um objetivo, conseguir a Láurea para melhor alimentar Eo e sua família. Ele acredita que se cavar e ultrapassar a sua cota tudo mudará e os vermelhos se alimentarão melhor.
“Meu amor, meu amor Lembre-se dos gritos Quando o inverno deu lugar aos céus da primavera. Eles rosnaram e rosnaram, mas nós seguramos nossa semente. E plantamos uma canção contra a ganância deles “
        A partir de uma mentira ele perceberá que há algo errado. E quando Eo, sua esposa, é submetida a chicotadas por entrar no lugar onde não devia, onde só os cinzas podem ir, e quando ela canta a música proibida perto do cadafalso, tudo muda. Darrow quer vingança, quer que os vermelhos ascendam. Mas ele não pode agir com ódio e no calor da emoção e imprudência. Ele precisa pensar. Extrapolar o pensamento. Engolir a carta ao invés de escolher alguma. Ele precisará pensar e agir como um Ouro para ascender e destruir todos aqueles que odeia. Destruir a sociedade que troça dos pequenos e os escraviza. Tirar o poder dos grandes.
“Levante-se à glória, ao poder, à conquista e ao domínio sobre os homens inferiores.”
      Fúria Vermelha é um livro excepcional e fantástico, mudou toda a minha perspectiva sobre distopias e sinto muito, mas colocou todos os livros que li até agora nesse ano no chinelo. Muito bom, cheio de ação e muito bem construído. Sempre tive temor acerca de histórias sobre Marte como disse antes, mas Pierce me fez mudar o conceito e amar demais essa obra. Super recomendo, people... Quando terminou eu fiquei sem chão. Precisava logo ler Filho Dourado que já comprei e vai chegar loguinho!! 
    Há também denominações diferentes para algumas coisas no livro, por exemplo, GravBotas, CurviLâmina, que demorou um pouco para eu me acostumar, mas com o tempo peguei o ritmo. Os personagens secundários do livro são excepcionais. Sevro, é meu amigo, gente!! Somos todos uivadores dessa bagaça ahah! Fico emocionada só de lembrar das cenas. Nunca li um livro tão intenso e primoroso assim. Li um monte de livro nos últimos anos, mas nada se compara a Fúria Vermelha. O romance fica muitooo em segundo plano nesse livro, não é em virtude disso, como em outras trilogias, que Darrow faz tudo que faz!
    A escrita do Pierce é demais, e o jeito que ele construiu esse mundo me deixa estupefata. Sigo ele no Instagram e fico vendo os esboços que ele faz de cada livro. É lindo demais os desenhos. O livro é cru. Tem palavrão, tem muita morte e é tudo explícito, o Brown não ameniza na descrição ou deixa meio leve, ele diz o que aconteceu e pronto. A guerra pelo poder aahah!!  É impressionante e insano esse livro! *-*
    Sabe quando você lê um livro arrasador, fica perplexa e quando está chegando no fim não quer acabar porque será o final e logo será aquele vazio, a saudade... E então quando enfim você termina o livro fica procurando saber tudo sobre o autor, a obra, tudo, porque de repente aquele escritor se tornou seu amigo. Pois é. Pierce é amigo, cara. Arrasador. Super amei esse livro. Fúria Vermelha. Fácil, fácil o melhor livro do ano pra mim. Colocou tudo que li de bom no chão. Ás vezes falo demais quando amo um livro!!
     Não quero dizer mais e nem destrinchar outras partes porque se não vai sair spoiler e cada situação que acontece precisa ser uma surpresa como foi para mim. A cada página eu soltava um what the hell  escandaloso e ficava estupefata com todas as surpresas.
Agora que o livro acabou vem aquele vazio, a saudade e... quero logo o próximo! 
Nota: 5/5 - Favorito

24 comentários:

  1. Já li esse livro e adorei!
    Segui o teu blog...segues o meu?

    Blog / Facebook / Instagram

    ResponderExcluir
  2. A capa, com certeza é linda.
    Gosto de distopias e essa parece de certa forma diferente e igual ao mesmo tempo, às que eu já li antes.
    Mas acho que eu iria gostar da leitura sim.

    Beijos
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Distopias <3 hahahaha, não tem como não amar, não é mesmo ?
    Segui o seu blog, pode se inscrever de volta ? se gostar de lá, claro.
    http://ideiasliterariasb.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Alana, tudo bem?
    Eu adoro distopias, mas estou um pouco saturada. No entanto, achei a premissa desse bem interessante e o fato dele ser um dos melhores do ano para você fez despertar minha curiosidade!
    Beijos,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bárbara. Também fico saturada de distopias, mas esse livro é bom demais e eu amei!! *-*
      Que legal que o que escrevi aí despertou a tua curiosidade!!

      Excluir
  5. Não conhecia o livro, mas não faz muito meu estilo, e ultimamente estou fugindo de livros que não sejam únicos, mas adorei a capa

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café
    Esta rolando um sorteio lá no blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pepa. Que pena que não faz o teu estilo. Mas eu digo para você que esse é um livro único. A capa é bonita mesmo, não é?!

      Excluir
  6. Olá, Alana.
    Como assim eu não conhecia esse livro ainda? Já quero hehe. Adoro distopias e pela sua empolgação na resenha, acho que vou amar a história. É claro que já entrou para a minha lista de desejados.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Um monte de gente não conhece o livro ainda. Acho que não teve a devida atenção e o barulho que deveria ter porque é uma trilogia muito boa! Eu fico bastante empolgada às vezes ahaha. Mas o livro é muito bom, sim!! *-*

      Excluir
  7. Oi, Alana! Tudo bem? Adorei a resenha! O livro tem uma premissa incrível! *-* E os seus comentários tão empolgantes acabaram também me empolgando! hahaha Espero ler o livro em breve e gostar dele tanto quanto você gostou! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/2015/08/resenha-premiada-johnny-bleas-um-novo.html <- Tá rolando promoção do livro "Johnny Bleas - Um Novo Mundo" lá no blog! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Lucas! Não é. A premissa é ótima. Que bom que gostou da resenha! *-*
      Eu fico empolgada demais às vezes ahaha!! Você precisa ler o livro loguinho, hein!! :D
      Beijin...

      Excluir
  8. Oi, Alana! Tudo bem?
    Olha, não costumo me interessar muito por distopias, mas a história desse parece bem atrativa!!
    Adorei tua resenha.
    Beijos
    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Markus!
      Eu também não gosto muito de distopias porque agora só tem tudo do mesmo e é bem manjado. Mas eu AMEI essa! Que bom que gostou da resenha! Fico feliz. *-*

      Excluir
  9. Oi Alana!
    Eu to doido por esse livro! adoro distopias e essa parece ser obrigatória, não vejo a hora de ler. Curti sua resenha!
    Abraço!
    Leitura Fora De Série

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Guilherme! Que bom que gostou da resenha! Fúria Vermelha é leitura obrigatória, sim!! *-*

      Excluir
  10. Olá, Gabriela (xará).
    Bem, eu costumava dizer que estava cansada de distopias, li muitos livros do gênero e etc, mas fiquei especialmente curiosa por este, não somente por sua resenha, mas pelo fato de achar interessante que uma distopia remeta fatos do passado como a escravidão, quase como se o futuro fosse um retrocesso. Enfim, quero ler.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Gabi! (xará) *-*
      Eu também estava saturada com distopias, até porque as considero muito clichês, mas em certos casos eu abro uma exceção. E abri para Fúria Vermelha e amei. Também achei interessante sobre esse ponto que o Pierce colocou no livro. É uma crítica bem severa! Que bom que quer ler! Gosto quando leem os livros que eu gosto kkk

      Excluir
  11. Oie,
    Ainda não li esse livro, mas tenho bastante curiosidade por ele.
    Sua resenha ficou ótima, me deu ainda mais vontade de ler...

    Beijos,
    Juh
    http://umminutoumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Juh! Que legal que gostou da resenha e produziu a ideia de ler esse livro em você. Fico muito feliz!
      Beijin...

      Excluir
  12. Oie Alana, tudo bem?
    Adorei sua resenha, confesso que fui pesquisar sobre o autor e WOW, que homem lindo - estou apaixonada.
    Tenho esse livro em minha estante, mas não tinha me animado de ler, nem sei porque e sua resenha trouxe tudo isso por água abaixo. Sinto que preciso terminar de comentar e pegar o livro!
    Espero que você leia o segundo em breve e curta muito a leitura.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Bruna!
      Fico feliz que tenha gostado da resenha. Pierce não é lindo?!
      Eu fiquei OMG o tempo todo!! Eu já comprei o segundo e mal posso esperar para começar a ler!!

      Excluir
  13. Oi Alana, já tinha ouvido falar desse livro, mas não tinha dado a devida bola a ele. Porém, depois de uma resenha tão animada como a sua, minha curiosidade aguçou. Amo distopias, e adoro quando me deparo com escritas viciantes e uma trama original. Valeu a dica. Beijos, Mi

    Blog Recanto da Mi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi! Que bom que ficou curiosa, hein!!
      A trama do Pierce é muito original e empolgante!! *-*

      Excluir
  14. Oii, nossa não conhecia, esse e o tipo de livro que me faz ficar presa a ele até o final, tenha certeza que vou procura-lo, e que capa bonita em, estou te seguindo Bjo.

    http://yuugracindo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Alana Gabriela - créditos

Tema Base por Butlariz